manhã do mercado

Manhã do Mercado

17, MAI, 2019 / POR: ACIONISTACOMBR

Assuntos que estão movimentando os mercados

Apetite ao risco comprometido ao redor do mundo.

globo

Investidores em movimento de cautela à espera de definição ou não sobre o acordo comercial entre China e EUA. A retaliação de Trump à empresa de telecomunicações Huawei elevou o nível de desconfiança sobre alguma possibilidade de conclusão nas negociações. Com isso, as bolsas chinesas fecharam em forte queda: -2,48% em Xangai e -3,15% em Shenzhen.

Na Europa, além das preocupações com a Trade War, o Brexit volta a chamar a atenção, com a premiê do Reino Unido, Theresa May, trabalhando para conseguir apoio para a saída do país do Reino Unido.

Bandeira do Brasil

Em nosso ambiente doméstico, o Ibovespa teve mais um tombo fechando o dia em queda de 1,75%. Este mês o índice está entregando praticamente todos os resultados do ano. O conturbado cenário politico eleva a preocupação, junto com o noticiário corporativo que pouco motiva o investidor. Mercado então precifica este sentimento e inibe o apetite ao risco, principalmente do estrangeiro que nos últimos meses elevou suas posições vendidas.

Fato que puxa dólar pra cima e bolsa pra baixo

Dica

Uma grande oportunidade de entrar no mercado de ações está aparecendo, mas em qual empresa? Temos materiais ótimos que podem ajudar muito a tomar essa decisão. Aproveite esta oportunidade!


Ambiente Corporativo

Política de preços da Petrobras chama a atenção do mercado.

Possibilidade de rompimento de outra barragem da Vale, em Barão dos Cocais (MG).

Tarpon obtém da CVM registro para OPA de fechamento de capital.

Totvs aprovou em AGE o aumento do limite do capital autorizado para até R$ 2,5 bilhões.

Suzano informou que a Mondrian Investment Partners reduziu a participação no capital para 1,57% do total.

Usiminas fechou aditivo a acordo com a Unigal e Nippon Steel sobre pagamento por galvanização de bobinas.