MAHLE Metal Leve está com dividendos em risco

05 JUL, 2017 / POR: GUSTAVO KAHIL, MONEY TIMES

                          

A distribuição de dividendos da Mahle Metal Leve (LEVE3) poderá ser até 30% menor como resultado de multas em decorrência de duas investigações no Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), avalia a Bradesco Corretora em um relatório enviado a clientes. A recomendação para os papéis caiu de neutra para venda e o preço-alvo foi cortado de R$ 23 para R$ 17.

O órgão avalia a denúncia de um conluio de preços para as válvulas automotivas no mercado de reposição entre 2007 e 2012. Além disso, em outro processo, o Cade denunciou a formação de um cartel iniciado em 2003 e encerrado em 2016 no setor de autopeças e que teria envolvido 28 empresas no Brasil e outras globais.

Segundo cálculos do analista da corretora Victor Mizusaki, o histórico indica que existe uma probabilidade de dois terços para uma condenação e pagamento de multas. O Bradesco, em uma estimativa conservadora para calcular o impacto, considera o máximo estipulado pelo regulamento, que é de 20% da receita do segmento investigado no ano anterior ao início do processo. O total chegaria a R$ 183 milhões.

“Como resultado, assumimos uma multa ponderada de R$ 122 milhões a ser cobrada como provisão em 2017 (R$ 103 milhões) e 2018 (R$ 19 milhões), reduzindo o dividend yield (percentual de pagamento de dividendos em relação ao preço da ação) da Mahle Metal Leve em quase 30% nos próximos dois anos”, aponta Mizusaki.

Estratégia

Além do possível revés no Cade, a corretora ressalta que a subsidiária brasileira do grupo não tem acompanhado a mudança de foco de atuação da sua matriz, que envolve aquisições nos segmentos de células de combustíveis e veículos autônomos. Enquanto isso, a Metal Leve continua a produzir componentes para motores de combustão.

"Dado esse cenário, combinado com a baixa taxa de reinvestimento, estamos reduzindo nossa expectativa para o crescimento (em perpetuidade) para 1% (versus 4% anteriormente)", ressalta o analista.