Índice 2º semestre
Investimento$

Oferta de distribuição secundária da Weg
aumenta opções para o investidor

11 de agosto de 2004

O investidor terá mais uma oportunidade de ampliar os investimentos ou ingressar no mercado de capitais com uma empresa bem vista pelo mercado. A Weg, maior fabricante de motores elétricos da América Latina, lançou esta semana uma Oferta Pública de Distribuição Secundária. O objetivo da Weg é melhorar a liquidez das ações, reduzindo a concentração do papel. Os interessados devem ficar de olho. No próximo dia 17 começa o período de reserva que termina dia 20. É preciso estar atento ainda para as novas opções de aplicação que devem surgir no decorrer do ano.

O mercado especula o interesse na abertura de capital de empresas como Grendene e Magazine Luiza. No ano, já ampliou o número de ações em circulação a CCR. Também abriram capital com sucesso a América Latina Logística (ALL), Gol e Natura. Os aplicadores, entretanto devem ficar atentos, pois o bom desempenho no passado não é garantia de rentabilidade futura.

Serão ofertadas no mercado 40 milhões de ações preferenciais da Weg, o equivalente a R$ 323 milhões, considerando o preço de fechamento até o dia 03 de agosto, R$ 7,38. O montante pode ser ampliado para até 44,359 milhões de PNs. A perspectiva é de que, após a operação fique nas mãos dos minoritários em torno de 24% do capital da empresa.

O valor para reserva ficará entre R$ 1.000,00 e máximo de R$ 300.000,00. O preços serão definidos através do método de Bookbuilding, de acordo com a demanda e oferta. A projeção de especialistas é de que o valor justo supere os R$ 10,00.

As ações da Weg são mais voltadas para aqueles que conhecem o mercado e são investidores. Os papéis já subiram cerca de 50% no ano, com a melhora do desempenho da empresa. Desde 1999, a alta foi de 1.622%. Por isso, a perspectiva é de ganhos no longo prazo. O lucro líquido no primeiro semestre deste ano ficou acima do projetado pelo especialista. O aumento foi de 44% em relação aos primeiros seis meses de 2003, atingindo R$ 200,8 milhões.

A companhia deve manter seu excelente desempenho nos próximos anos, ou seja, elevada expansão de venda com rentabilidade e baixa alavancagem financeira. O aumento da circulação também deverá contribuir para o desempenho das ações. A Weg atua em mais de 60 países e o mercado externo representou 44% das vendas consolidadas em 2003. O destaque fica para dois fatores: elevada expansão de vendas e alta rentabilidade. O risco para a empresa é de que a maior parte do crescimento depende das exportações.Uma apreciação significativa do real afetaria a competitividade para crescer nos mercados externos. Outro problema é que a piora do cenário macro brasileiro pode ser negativa.

Nos últimos seis anos e meio a companhia apresentou taxa média de crescimento da receita líquida de 40% ao ano, geração de caixa, medida pelo EBIT, de 63% ao ano, e lucros líquido 43% ao ano. A Weg também apresenta sólida estrutura patrimonial, com caixa líquido de R$ 44 milhões. A Weg apresenta vendas e Ebitda com uma taxa composta de crescimento anual (CAGR) de 28% em quatro anos (1999-2003), e margens muito estáveis (ex.média da margem de lucro líquido de 21% no período, respectivamente 17%, 22%, 21%, 23%). A taxa de crescimento composto anual de exportações de 1999 até 2003 foi de 38%.

Confira o calendário da colocação secundaria da Weg

10.08 - aviso da captação da Weg para a imprensa
17.08 - dia de reserva para o varejo e pessoas vinculadas
20.08 - fim do período de reservas para as pessoas vinculadas
30.08 - fim do prazo de reserva para o varejo
01.09 - pricing (dia em que o preço será definido)
02.09 - inicio das operações
08.09 - liquidação

 

Advertência: As informações econômico financeiras apresentadas no Acionista.com.br são extraídas de fontes de domínio público, consideradas confiáveis. Entretanto, estas informações estão sujeitas a imprecisões e erros pelos quais não nos responsabilizamos.
As opiniões de analistas, assim como os dados e informações de empresas aqui publicadas são de responsabilidade única de seus autores e suas fontes.
O objetivo deste portal é suprir o mercado e seus clientes de dados e informações bem como conteúdos sobre mercado financeiro, acionário e de empresas. As decisões sobre investimentos são pessoais, não podendo ser imputado ao acionista.com.br nenhuma responsabilização por prejuízos que eventualmente investidores ou internautas, venham a sofrer.
O acionista.com.br procura identificar e divulgar endereços na Internet voltados ao mercado de informação, visando manter informado  seus usuários mais exigentes com uma seleção criteriosa de endereços eletrônicos. Essa divulgação é de forma única, e os domínios divulgados são direcionados a todos os internautas por serem de domínio público. Contudo, enfatizamos que não oferecemos nenhuma garantia a sua integralidade e exatidão, não gerando portanto qualquer feito legal.